quinta-feira, 1 de novembro de 2012

PRECISO -TE POESIA


Imagem retirada da web



Eu sempre te procuro poesia
para que os meus dias sejam úteis
e minhas mãos vejam o que a vista não alcança.
Preciso-te poesia
para entender os sorrisos postiços
que habitam almas lisas
os corações plenos de vaidade
arrogância
prepotência.
Deixa-me fazer ninho
nos teus braços poesia
que eu quero sonhar até ao fim.

3 comentários:

Silvia Mota Lopes disse...

Então Teresa....nem todos são assim....:( beijinho doce para ti

joanacruz disse...

Por favor, Teresa não perca tempo a "entender os sorrisos postiços".
Você está rodeada de lindos e verdadeiros sorrisos, das suas crianças e por isso quando lhe sobrar algum tempo...escreva.

Você tem uma forma de escrever que me prende e que me encanta!

Muitos beijinhos

xn disse...

Palavras mágicas que nos dão alento...
bjinhos grandes
E já agora deixa-me dizer-te que adoro o teu sorriso!